03 agosto 2015

DICA DE LIVRO: À Mesa com Monet

Entre as estantes e aquela infinidade de obras, a capa do livro já chamou a minha atenção no primeiro olhar. Não resisti. Corri ao encontro dela. E, ao folhear as páginas do livro, a sensação de encantamento aumentou rapidamente, dali até efetivar a compra foram pouquíssimos minutos. 

Foi assim, sem saber a autoria ou o teor do livro que acabei comprando  "A Mesa com Monet".

 Não me arrependi! O livro é espetacular. 

A partir da descoberta de seus cadernos de receitas, a historiadora de arte Claire Joyes pôde reproduzir minuciosamente o estilo de viver e de receber do artista. Reunindo histórias curiosas, receitas e fotografias. 

Para quem não sabe, Claude Monet, foi um dos grandes nomes à frente do impressionismo. E se ele era mestre na pintura, na cozinha era uma negação. Mas peraí, e o que esse livro tem de tão especial?!

É que mesmo sem saber cozinhar, o francês gostava - e muito - de receber os amigos como Cézzane e Renoir para longos almoços e utilizava de receitas, truques e alguns segredos para servir com a mesma genialidade de suas pinturas.  

Em 1883, Monet e sua mulher, Alice, foram moram definitivamente em Giverny, junto com os oitos filhos (eita)! E lá, o pintor dedicou sua vida a criar um ambiente harmonioso. 

No livro, a gente descobre peculiaridades da vida do pintor. Olha essa, por exemplo: ele não gostava de dormir tarde, por isso preferia receber as pessoas para o almoço. Assim, no dia seguinte podia acordar cedo e se entregar à pintura. 

Além dos hábitos do artista, o livro trás receitas que eram servidas naquela época, originalmente adaptadas pelo chef Joël Robuchon a partir dos cadernos de Monet.

E olhem que legal, a edição brasileira teve as receitas transpostas para a realidade do nosso país, com o cuidado de Claude Lapeyre, chef francês radicado há anos no Brasil. 

Se você gosta de culinária e assim como eu, ama artes plásticas, esse livro é uma verdadeira obra prima!

























Nenhum comentário:

Postar um comentário