12 março 2016

Temperos que curam: Cebola


Seus compostos sulforosos, responsáveis pela ardência nos olhos e todo aquele nosso choro, agem de forma  anti-inflamatória,  impedindo a formação de coágulos e acabando com os depósitos de gorduras nas paredes das artérias. A cebola combate as doenças cardíacas, inibe a formação de tumores no intestino, reduz o risco de câncer e tem ação antibacteriana  e antiviral.

A cebola era um item básico da dieta dos gregos e romanos. Estes a chamavam de unio, palavra que sugere uma qualidade singular, semelhante a pérola, talvez em referência  à natureza translúcida do bulbo quando descascado.

Antiga, forte e gostosa, tem como ficar longe dela?!     

Nenhum comentário:

Postar um comentário